Convenção dos Progressistas vai aprovar Casagrande e Ferraço e ignorar Rose

8
PP integrou governo do ES desde início

Em sua convenção de sábado, dia 30/7, o Progressistas do ES vai homologar as candidaturas ao governo, do atual governador Renato Casagrande (PSB), e do indicado a vice, ex-senador Ricardo Ferraço (PSDB).

Mas ficará em silêncio sobre a candidatura da chapa ao Senado, da senadora Rose de Freitas (MDB), que disputa a reeleição. Vão delegar à executiva a decisão sobre Senado.

O presidente do partido, Marcus Vicente, afirmou, que esse cargo ficará sem definição, pelo menos até 15 de agosto, prazo final para registro de candidaturas.

“Estamos 100% decididos com Casagrande. Senado deverá ser delegada à Executiva Estadual para fechamento no prazo de registro”, afirmou.

Trocando em miúdos, trata-se de um veto a Rose de Freitas. O PP suspeita que ela terá algum petista na sua chapa, como suplente, e não aceita apoiá-la porque o Progressistas é bolsonarista.

Além disso, o partido ficou ressentido por não ter integrado a chapa majoritária de Casagrande. Eles sonhavam com a vice governadoria ou  Senado.

Mas o deputado federal Da Vitória (PP), não conseguiu se viabilizar para o Senado.

Ele só concorreria se tivesse apoio de Casagrande e se o ex-prefeito de Colatina, Sérgio Meneguelli, não disputasse o mesmo posto.

A convenção será realizada no Centro de Convenções de Vitória, neste sábado, a partir das 9h30. O governador Casagrande deverá comparecer às 11 horas.

Fonte: Agência Congresso

Comentários Facebook