ES continua em alerta para risco de vendaval

Alerta para o risco de vendaval, ventos fortes e ondas grandes na faixa litorânea do estado permanece até quinta-feira (23).

25
Funcionários da prefeitura precisaram retirar areia da rua após ventania em Vila Velha — Foto: Ricardo Medeiros/Rede Gazeta

Depois da ventania que provocou transtornos em algumas regiões do Espírito Santo, o alerta para o risco de vendaval, ventos fortes e ondas grandes na faixa litorânea do estado permanece pelo menos até quinta-feira (23).

De acordo com o aviso meteorológico emitido pela Marinha, até esta quinta o estado pode registrar ondas de até cinco metros e ventos de até 75 quilômetros por hora.

Na tarde desta quarta (22), o mar estava agitado na Praia de Camburi, em Vitória.

Em Vila Velha, a areia da praia invadiu a pista no bairro Praia da Costa. Para não atrapalhar o trânsito, funcionários da prefeitura retiraram a areia com pás e até uma retroescavadeira foi utilizada.

Previsão do tempo

De acordo com o Instituto Capixaba de Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), a quinta também será de tempo instável no Espírito Santo. A previsão é de chuvisco e chuva fraca e ventos com intensidade moderada entre a Grande Vitória e o litoral Norte.

Na Grande Vitória, as temperaturas devem ficar entre 18º e 25°. No interior, a mínima pode chegar a 10° em algumas áreas das regiões Sul e Serrana.

Orientações

De acordo com o tenente-coronel Carlos Wagner Borges do Corpo de Bombeiros, foram atendidas 42 ocorrências por causa da ventania no estado.

“Foram casas destelhadas em alguns municípios, parte da rede elétrica afetada. Também tivemos árvores caídas que foram retiradas para desobstrução das vias. São situações assim que acontecem sempre em períodos de grandes ventanias”, disse.

Tenente-coronel Carlos Wagner fez alerta sobre riscos da ventania no ES — Foto: Reprodução/TV Gazeta

Ele também destacou os cuidados que devem ser adotadas para quem vai pegar a estrada, como reduzir a velocidade. O coronel orientou para que as pessoas não entrem no mar durante a ventania.

“Aumenta a correnteza do mar. As ondas estão mais agitadas, a correnteza está mais forte. Se a pessoa não tiver o preparo físico adequado pode não conseguir voltar para a areia”, disse.

Outro alerta do coronel foi para pessoas que trabalham nas alturas. Segundo Wagner, a limpeza de fachadas e construção de prédios devem ser evitadas.

“Outra dica é retirar plantas e objetos do lado de fora das janelas em locais mais altos. O vento com facilidade vai derrubar esses objetos e vai atingir alguém na parte baixa e pode provocar uma fatalidade”, finalizou.

Com Informação: G1 ES

Comentários Facebook