Freitas sugere inclusão de mais quatro trechos de vias ao programa Terra Firme

43

Depois de pedir a inclusão do trecho de aproximadamente 25 quilômetros entre Guriri e Distrito de Barra Nova, ambos em São Mateus, ao programa Terra Firme para pavimentação, o deputado Freitas (PSB) conseguiu na Assembleia Legislativa do Estado a aprovação de mais quatro projetos com quatro novos trechos.

Na sessão ordinária virtual desta segunda-feira (29), Freitas sugeriu ao governador Renato Casagrande (PSB) a inclusão de mais quatro trechos de vias importantes e que merecem uma pavimentação melhor para o escoamento da produção rural em várias cidades do Norte capixaba. São eles:
– Trecho de aproximadamente 16 quilômetros na ES-344, que vai da ES-381 ao Distrito de São Jorge da Barra Seca, no município de Vila Valério.

– Trecho de aproximadamente 39 quilômetros que vai do Distrito de Cotaxé a Comunidade de Muritiba, em Ecoporanga.

– Trecho de aproximadamente 11 quilômetros entre o Distrito de Santo Antônio do XV (Nova Venécia) ao Km 20 da ES-315 (Boa Esperança).

– Trecho de aproximadamente 15 quilômetros entre a ES-315 ao Distrito de Itauninhas, em São Mateus.

“Apresentei esses projetos visando à melhoria da qualidade de vida da população, principalmente no deslocamento diário tendo que fazer o escoamento da sua produção”, defendeu o deputado Freitas.

O programa Terra Firme, segundo o parlamentar, está sendo desenvolvido pelo Governo do Estado e tem como objetivo adequar e revestir as estradas rurais capixabas com REVSOL, priorizando as áreas de maior concentração de agricultura familiar para melhorar o escoamento da produção e reduzir os custos e as perdas dos produtos perecíveis em várias cidades do Norte do Espírito Santo.

Saiba mais
O REVSOL é um resíduo do minério de ferro misturado com argila e seu fornecimento é oriundo de uma parceria público/privada entre o Governo do Estado e a ArcelorMittal. Sua utilização no revestimento de estradas tem contribuído muito na melhoria das vias rurais e vicinais em municípios do Espírito Santo.

Comentários Facebook