Vacinação para população em geral pode começar em março, diz governador do ES

Cerca de 35,5 mil doses do imunizante começaram a ser distribuídas às regionais e municípios nesta segunda-feira (25).

65

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), acredita que em março as unidades de saúde já poderão estar vacinando o público geral contra a Covid-19.

A declaração foi feita durante a cerimônia de vacinação com as primeiras doses da vacina de Oxford, na manhã desta segunda-feira (25).

“Nós queríamos doses para vacinar todos de uma vez só, mas infelizmente nós não temos e estamos priorizando os profissionais de saúde que estão nos hospitais e unidades de saúde. Nossa quantidade de doses é pequena, mas à medida que recebermos mais vacinas, outras categorias de profissionais serão vacinadas, como de professores, segurança pública e profissionais de saúde que fazem atendimento na rede particular”, disse o governador sobre a chegada das novas doses.

Já para a vacinação das outras categorias de profissionais acontecer, Casagrande explicou que depende da chegada de insumos para a produção de vacinas.

“As vacinas estão vindo a conta-gotas e vamos aplicando nos grupos prioritários de acordo com essa chegada. Acredito que a partir de março, quando os laboratórios tiverem produzindo mais, porque os insumos vão chegar nos próximos dias, poderemos abrir a vacinação para a população nas unidades de saúde”, declarou Casagrande.

O primeiro vacinado com o novo imunizante foi o agente comunitário de saúde Edson Coimbra, de 26 anos.

“É uma sensação muito boa. Uma sensação de importância. Essa vacina é muita importante para todos os profissionais de saúde que estão aí na linha de frente de atendimento, ainda mais os agentes comunitários de saúde que fazem esse trabalho junto com a comunidade”, disse o agente após ser vacinado.

Edson Coimbra, agente comunitário de saúde, recebe dose da vacina de Oxford na manhã desta segunda-feira (25) em Cariacica (ES) — Foto: Reprodução/TV Gazeta

O estado recebeu 35,5 mil doses da vacina no domingo (24). De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), elas serão utilizadas para contemplar cerca de 33.858 trabalhadores da saúde que estão na linha de frente do combate à Covid-19.

“O mais importante da chegada dessas vacinas é que a gente pode ter a oportunidade de vacinar todos os trabalhadores da saúde pública do Espírito Santo que estão na linha de frente no combate à doença. A prioridade dada a esses profissionais é para que tenhamos segurança na aplicação das vacinas quando iniciar a fase de imunização para toda a população. A quantidade de vacinas ainda é pequena, mas é importante imunizar cada pessoa. Priorizamos quem estava na linha de frente nos hospitais, onde o tratamento da doença é mais intenso”, explicou o governador.

Casagrande destacou que o número de profissionais imunizados será o mesmo da quantidade de doses recebidas da vacina de Oxford-AstraZeneca.

“A Fiocruz, o Ministério da Saúde e a nossa Secretaria da Saúde nos garantiram que outra leva desta vacina chegará antes de 12 semanas, que é o prazo para quem tomou a primeira dose, tomar a segunda”, afirmou o governador, citando também que novas doses da CoronaVac devem chegar ao estado ainda esta semana.

“Nossa expectativa era maior, mas devem chegar ao nosso estado entre 15 e 16 mil vacinas. Quando essa nova leva chegar, vamos convencer o Ministério da Saúde para que comecemos a vacinar os idosos com mais de 85 anos, que estão no grupo de maior vulnerabilidade, para que a gente possa também proteger essas pessoas. Estamos todos ansiosos, pois a quantidade de vacina ainda é pequena e está chegando a conta-gotas. Mas, estamos trabalhando com as prioridades dentro do plano nacional e estadual de Imunização”, pontuou Casagrande.

Na última quarta (20), o Ministério da Saúde atualizou a população total de trabalhadores da saúde que deverão ser vacinados na primeira fase da campanha de vacinação. No Espírito Santo, esse público representa 124.416 pessoas. Parte dele já está recebendo as doses da CoronaVac que chegaram ao estado na última semana.

Campanha de imunização

Este é o segundo lote de vacinas contra a Covid-19 que chega ao Espírito Santo. Na última semana, o estado recebeu 101.320 mil doses da CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan, estabelecendo cerca de 48 mil pessoas como população-alvo desta fase inicial de vacinação.

Foram priorizados trabalhadores da saúde; pessoas maiores de 60 anos residentes em instituições de longa permanência; pessoas maiores de 18 anos com deficiência residentes em residências inclusivas e indígenas aldeados, em conformidade com os cenários de disponibilidade da vacina.

De acordo com as informações mais recentes da Sesa, até 15h de sexta (22), quase 10 mil pessoas já haviam sido vacinadas.

Segundo o IBGE, o Espírito Santo possuía uma população estimada, em 2020, de 4.064.052 pessoas.

Com Informações: G1 ES

Comentários Facebook