Governo publica edital para obras de construção dos píeres do aquaviário

7

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Mobilidade e Infraestrutura (Semobi), publicou, nesta terça-feira (12), o edital para contratação das obras de construções de quatro píeres para o funcionamento da operação do aquaviário. Os detalhes foram anunciados pelo governador Renato Casagrande, em transmissão ao vivo pelas redes sociais. A implantação do novo modal é uma das prioridades do Governo do Estado na área da mobilidade.

Fotos: Giovani Pagotto/Governo-ES

O valor máximo do investimento será de R$ 6.626.140,87 e as empresas interessadas têm até o dia 11 de fevereiro para apresentarem as propostas. O vencedor terá 11 meses para executar os trabalhos, contados a partir da ordem de serviço. As quatro estações ficarão localizadas na Prainha, em Vila Velha; na Enseada do Suá e Centro, em Vitória; e, em Porto de Santana, em Cariacica. O modal será integrado ao sistema de transporte coletivo (Transcol).

“O aquaviário é um tema sempre debatido, pois já existiu anteriormente. É um modal que não transporta muita gente, mas dá uma opção a mais ao transporte, podendo melhorar também o fluxo terrestre, atendendo regiões específicas da Região Metropolitana. Por conta de nossa beleza natural, o aquaviário pode se tornar um polo de atração turística. Estamos publicando o edital para construir esses pontos de parada, dando o primeiro passo efetivo. Serão quatro pontos iniciais que vão atender Vitória, Vila Velha e Cariacica. No futuro, vendo a necessidade de utilização, podemos aumentar de acordo com a demanda. Para nós é um momento especial”, afirmou o governador Casagrande.

O secretário de Estado de Mobilidade e Infraestrutura, Fábio Damasceno, deu mais detalhes sobre o projeto. “A implantação do aquaviário também será feita em etapas. Primeiro, desenvolvemos os projetos dos trapiches, que foi uma etapa importante, pois o píer precisa ser muito bem executado para garantir a segurança e a acessibilidade do sistema. Agora, estamos contratando a execução da obra e, ainda este ano, vamos publicar o edital para contratar a operação do sistema”, explicou.

As estruturas vão contar com sala de espera, onde os passageiros vão aguardar o embarque. Para o acesso aos barcos, haverá uma interligação, tipo ponte, que será coberta para o conforto de quem usar o aquaviário. O sistema aquaviário operou na Grande Vitória até a década de 1990, quando foi desativado. O edital e todos os documentos relativos ao processo licitatório estão disponíveis no site da Semobi (www.semobi.es.gov.br).

Também estiveram presentes no anúncio a vice-governadora do Estado, Jaqueline Moraes, e os deputados estaduais Marcelo Santos e Dary Pagung, líder do Governo na Assembleia Legislativa.

Para Marcelo Santos, presidente da Comissão Permanente de Infraestrutura, Desenvolvimento Urbano e Regional, Mobilidade Urbana e Logística da Assembleia Legislativa, o debate realizado no colegiado com a participação do Governo e da sociedade capixaba, culminou nas ações que agora se apresentam.

“É uma satisfação muito grande participar deste momento, lembrando dos tempos em que utilizei o aquaviário quando ainda se chamava Bico de Palhaço, no trajeto entre Cariacica e Vila Velha, quando servi o Exército. Desde a minha chegada na Assembleia, levantei este debate e a sensibilidade do governador e de sua equipe foi fundamental. Quando se decidiu que retomaríamos o aquaviário, a cidade de Cariacica não estava incluída, e com a sua sensibilidade, incluímos um terminal em Cariacica”, afirmou Marcelo Santos.

O deputado Dary Pagung também destacou a importância desse modal. “Lembro do aquaviário quando era menino e sei da importância para a Grande Vitória. Precisamos mudar a infraestrutura e a logística. Esse é um sonho dos capixabas, assim como a obra da Terceira Ponte. Parabenizo o governador e toda sua equipe”, destacou o parlamentar.

Com Informações: Assessoria de Comunicação do Governo / Assessoria de Comunicação da Semobi / Assessoria de Comunicação da Ceturb-ES

Comentários Facebook