Polícia Civil de Linhares prende suspeito de cárcere privado e feminicídio

11

Um homem de 24 anos de idade, contra o qual havia mandado de prisão por feminicídio e cárcere privado, foi preso nesta quarta-feira (06), em Linhares. O homem se apresentou na Delegacia Regional de Linhares, após fugir por quase três anos.

“Ele se apresentou na delegacia voluntariamente, informou que estava cansado de se esconder da polícia, disse que estava arrependido e queria se entregar. Verificamos que havia um mandado de prisão expedido pela Justiça do Estado de São Paulo, ao qual demos cumprimento e encaminhamos o detido para o Presídio Regional de Linhares”, afirmou o titular da unidade, delegado Fabrício Lucindo.

Segundo foi apurado, no ano de 2017, o detido era casado com uma mulher de 21 anos e morava em Paraisópolis, em São Paulo. Durante o relacionamento ocorreram vários atritos entre o casal, que culminaram em cárcere privado e, por fim, feminicídio: o homem executou a companheira com golpes de martelo.

“Depois do cometimento do crime, o elemento fugiu do Estado de São Paulo e disse que estava vivendo escondido, trabalhando em propriedades rurais na Bahia, seu estado de origem, e no Espírito Santo, especialmente nas colheitas de café. Por fim, se entregou em nossa Delegacia”, relatou Lucindo.

Com Informações: Assessoria de Comunicação Polícia Civil – Texto: Camila Ferreira

Comentários Facebook