Outubro Rosa 2020

Beleza e criatividade, dentro do novo normal, marcarão a abertura oficial do movimento no ES

40

Seguindo o caminho do novo normal, bailarinas do Sesi Cia de Dança e cantoras convidadas participarão de uma live que marcará a abertura oficial do movimento Outubro Rosa deste ano.

Com criação e direção do gerente de Cultura do Sesi-Findes, Marcelo Lages, a live está marcada para às 19h, do dia 1º de outubro. Os cenários serão pontos estratégicos da cidade, com participação de bailarinas do Sesi Cia de Dança, de musicistas da Orquestra Camerata Sesi e das cantoras Priscila Ferrari, Dona Fran, Kamila Gabriel, Ana Dan, Natércia Lopes, Tati Celeste e Laís Rocha.

Tudo transmitido no canal da Camerata Sesi (www.youtube.com/c/CamerataSesi), como também em todos os canais da Secult e do Governo do ES (Facebook, Instagram,  YouTube e TVE).

Durante a live, a presidente da Afecc-Hospital Santa Rita, Marilucia Dalla, a primeira-dama do Estado, Maria Virgínia Casagrande, e o governador Renato Casagrande terão suas participações.

Marilucia Dalla acrescenta que as atividades em que a presença física for preciso “obedecerão aos critérios de distanciamento social, uso de máscaras protetoras e demais cuidados necessários para dar segurança a todos”. Por isso, o slogan do movimento deste ano no Espírito Santo é “A vida mudou. A forma de cuidar dela não”.

 

Entre as atividades que marcarão o mês de outubro estão palestras virtuais com  orientações de médicos, psicólogos e assistentes sociais. Nos anos anteriores os palestrantes iam até as empresas e comunidades. Neste ano, esses encontros serão realizados em plataforma online.

LOJA OUTUBRO ROSA – Entre as ações presenciais está a Loja Outubro Rosa. Como nos anos anteriores, ela está montada no Shopping Vitória, obedecendo às regas de funcionamento do local, o que neste ano inclui uso obrigatório de máscara. No interior da loja terá frascos de álcool para limpeza das mãos e limite para atendimento simultâneo.

ESTIMATIVA DE CÂNCER – A estimativa do Instituto Nacional do Câncer (Inca) é de que no Brasil, surgirão 66.280 novos casos de câncer de mama, para cada ano do triênio 2020-2022. Esse número corresponde a um risco estimado de 61,61 casos novos a cada 100 mil mulheres.

 

No que diz respeito ao câncer de próstata, a estimativa do Inca para o Brasil é de  65.840 novos casos para cada ano do triênio 2020-2022. Esse valor corresponde a um risco estimado de 62,95 casos novos a cada 100 mil homens.

No Espírito Santo, somente o Hospital Santa Rita atendeu, em 2019, a 727 novos casos de câncer de mama, 402 de colo de útero, e 572 novos casos de próstata. No ano de 2018 foram 632 casos novos de câncer de mama, 340 de colo de útero, e 493 novos casos de câncer de próstata.

Portanto, o medo da Covid-19 não pode superar a iniciativa de cada um em cuidar de sua própria saúde e de seus familiares. Com a pandemia, a vida mudou, mas a forma de cuidar dela, não.

Comentários Facebook