Fortuna de Mark Zuckerberg passa de US$ 100 bilhões, diz Bloomberg

Com isso, fundador e CEO do Facebook se junta a Jeff Bezos e Bill Gates como únicas pessoas que alcançaram esse patamar de patrimônio.

15
Zuckerberg disse nesta quinta-feira (21) que Facebook adotará trabalho remoto permanente mesmo após pandemia — Foto: Mark Lennihan/AP Photo

A fortuna de Mark Zuckerberg alcançou pela primeira vez o patamar de US$ 100 bilhões, segundo a agência Bloomberg.

Aos 36 anos, o fundador e CEO do Facebook entra para seleto grupo de pessoas que alcançaram esse patamar de riqueza. Além dele, Jeff Bezos e Bill Gates, outros gigantes de empresas de tecnologia têm mais de US$ 100 bilhões de patrimônio.

Grande parte da fortuna de Zuckerberg vem da participação no Facebook, de 13%, segundo a Bloomberg.

De acordo com um estudo, entre março e maio, já durante a pandemia, a fortuna de Zuckerberg havia crescido 45%, chegando, na época, a US$ 80 bilhões. A análise foi baseada em dados da lista de bilionários divulgada pela revista Forbes.

Recentemente, Zuckerberg, Bezos e os CEOs de Google e Apple participaram de uma inédita audiência na câmara americana para prestarem depoimento em uma investigação que apura se as empresas abusam de posição dominante no mercado e aplicam prática de monopólio.

Com Informações: G1

Comentários Facebook