Combate ao Coronavírus exige responsabilidade

53
Foto: Hélio Filho/Secom

Quando o presidente da República Jair Bolsonaro faz pronunciamento em Rede Nacional e em suas redes sociais para dizer que o Coronavirus é uma “gripinha” e que as crianças devem voltar à sala de aula, pouca gente no País se posicionou contrário, mas, por aqui, quando o Governador Renato Casagrande que já demonstrou “enorme preocupação”  com a situação provocada pela pandemia, prioriza a ampla divulgação do que está sendo feito e o que se propõe a fazer, poucos foram os que saíram em sua defesa.

Estou me referindo à contratação, sem licitação, em caráter emergencial, como o momento requer, de uma empresa de publicidade (agência que já presta serviço ao Estado, licitada em 2016) para produzir peça e divulgar o que a população precisa saber.

Em meio a tantas informações distorcidas e declarações de cunho eleitoral por parte do Presidente, o Governo do Estado aditiva a ficha orçamentária para que se necessário for utilizar, podendo gastar R$ 1 milhão. Vale ressaltar que não significa que todo o valor aditivado será gasto.

Em defesa do Governo Casagrande que não tem medido esforços para adotar ações com o propósito de evitar que nós capixabas e quem não é daqui, mas aqui está, por gostar do Espírito Santo, venha a ser incluído na dramática estatística de portadores, e que venham a morrer por consequência da doença provocada pelo Covid-19.

TEXTO: HILMAR DE JESUS    

Comentários Facebook