CONCEIÇÃO DA BARRA: TRE começa contagem regressiva para nova eleição de prefeito e vice 

Na avaliação do advogado José Peres de Barros, autor da ação que levou à cassação de Chicão, contratado pelo PMN, não há possibilidade de qualquer recurso do ex-prefeito para reverter a decisão do TRE.

676
Vista aérea da cidade de Conceição da Barra, maior colégio eleitoral do município.

O Tribunal Regional Eleitoral (ES) deu início ao procedimento para a realização de nova eleição em Conceição da Barra, para escolha de prefeito e vice-prefeito, depois da cassação do então prefeito Francisco Bernard Vervloet, o Chicão. Se cumpridos os prazos estabelecidos pela Corte, a nova eleição deve ocorrer entre maio e no mais tardar junho.

Atualmente Conceição da Barra segue sendo administrada pelo ex-presidente da Câmara Mateusinho que foi empossado na sexta-feira da semana passada, depois que o TRE decidiu pelo afastamento em definitivo de Chicão que foi condenado à perda do mandado acusado da prática de campanha irregular e antecipada nas eleições de 2016.

Chicão teria usado a função de Secretário de Assistência Social para se beneficiar no pleito, no qual venceu o principal concorrente Manoel Pé de Boi por pouco mais de mil votos.

Na avaliação do advogado José Peres de Barros, autor da ação que levou à cassação de Chicão, contratado pelo PMN, não há possibilidade de qualquer recurso do ex-prefeito para reverter a decisão do TRE. “O processo de cassação já acabou. Agora o TRE só resta decidir sobre a data de nova eleição’’, informou.

No início da tarde desta quarta-feira (18) a Assessoria de Imprensa do tribunal informou que a propagação da notícia do coronavírus no Espírito Santo não deve interferir na marcação de nova eleição para Conceição da Barra, antes do pleito de outubro quando acontece em todo o País, conforme o calendário oficial da Justiça Eleitoral.

O que diz a nota enviada ao Site do Jornal A Ilha pelo TRE: O Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES) informa que a minuta de resolução sobre a eleição suplementar em Conceição da Barra ainda está sendo confeccionada e será apreciada pelo Plenário do Tribunal nas próximas semanas. Assim que for aprovada, as datas da eleição serão amplamente divulgadas.

O Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES), em sintonia com vários órgãos públicos e entidades privadas que adotaram medidas de prevenção à contaminação do coronavírus (COVID-19), resolve suspender até o dia 29 de março os atendimentos presenciais nos cartórios eleitorais de todo o Estado.​ A medida teve início na última segunda-feira (16) e é temporária, mas pode ser prorrogada caso o Estado registre um alto número de casos nos próximos dias.

TEXTO:  HILMAR DE JESUS

Com informações: Gustavo Tenório Pinheiro – Assessoria de Comunicação TRE-ES

Comentários Facebook