Tarde de tensão em São Mateus: Tiroteio, linchamento e prisões na briga de traficantes

Bando que pretendia se instalar na Cacique já havia preparado dois mil quilos de maconha e 250 de cocaína para começar o trabalho de comercialização da droga na região de São Mateus.

885

A tarde deste sábado (28) foi marcada pelo confronto de traficantes, dentre eles uma mulher envolvida em assassinato no município de Linhares, que tentaram invadir o território de grupos rivais, no Bairro Cacique, em São Mateus.

Houve perseguição com participação de três guarnições da Polícia Militar, um carro dos traficantes rivais incendiado, um traficante que em fuga caiu de cabeça do telhado de uma casa, linchamento de um outro, por parte de moradores revoltados, e prisões.

Tudo isso serviu para deixar apavorados os moradores que se escondiam como podiam para evitar ser atingidos pelos disparos.

Ao final de todo o confronto, a polícia apreendeu maconha e crack e em uma mensagem do aparelho celular de um dos detidos, haviam a confirmação de que o bando procedente possivelmente de Linhares, estaria montando base na Cacique já com a garantia de colocar para comercialização pelo menos dois mil quilos de maconha e 250 gramas de cocaína.

De acordo com informações da PM os traficantes locais e de Linhares estavam fortemente armados com pistola, revólveres e espingarda calibre 12, além de colete a prova de balas, o que demonstra o poderio entre eles e a disposição de enfrentar qualquer perigo para assumir um ponto de venda de drogas em São Mateus.

Ainda de acordo com os levantamentos após as prisões, a polícia descobriu que a mulher que foi detida com uma pistola, foi autora do assassinato de um rival neste início de mês em Linhares, mas pode estar envolvida em uma série de crimes da mesma natureza e pelo mesmo motivo: rivalidade entre traficantes.

A operação policial teve início a partir do recebimento de informação dando conta que seis pessoas estariam em posse de coletes balístico, pistolas e arma longa calibre 12 efetuando disparos em veículos, residências e transeuntes e que traficantes locais estariam revidando.

Foi a partir da chegada dos policiais que houve troca de tiros entre eles e um traficante que revidou à abordagem, mas conseguiu fugir pulando do telhado de uma casa para outra, caindo de cabeça no chão, sendo levado para o Hospital Roberto Silvares onde está acompanhado por uma escolta. Os demais detidos inclusive a mulher, foram entregues na Delegacia.

TEXTO: HILMAR DE JESUS

Comentários Facebook