TUNICO DA VILA APRESENTA SUA RODA DE SAMBACONGO NO VIRADÃO CULTURAL DE VITÓRIA

33
Foto Victor Delantonnio O

Uma conexão entre o samba e o congo capixaba, é a proposta da Roda de Sambacongo de Tunico da Vila no Viradão Cultural de Vitória, realizado pela Secretaria de Cultura da Prefeitura de Vitória por meio do Fundo Municipal de Cultura. A Roda de Sambacongo de Tunico da Vila acontece no domingo, dia 29 de setembro, às 16:30 horas na Praça Ubaldo Ramalhete, no Centro de Vitória. Acompanham Tunico da Vila: Daniel Barreto (violão), Sergio Roatti (cavaco), Pequê Santos (percussão), Wesley Lopes (percussão), Felipe Dias (bateria), Eliel Moura (baixo), Bruna Kethily e Amanda Menezes (vocais) e integrantes da Banda de Congo Amores da Lua de Vitória, que farão parte da roda. Uma intérprete de libras vai transmitir o show para a comunidade surda no evento.

“O pandeiro, a casaca, o surdo e o tambor tudo junto e misturado. Essa liga é importante, pois o samba carioca e o congo capixaba são irmãos musicais, são de origem africana, do povo banto de Angola que se conectou com outras culturas encontradas aqui. As nossas bandeiras são as mesmas, pela liberdade, afirmação negra e respeito à cultura brasileira. E musicalmente deu e dá certo. Vai ser mágico celebrar os 30 anos de gravação da toda de congo Madalena do Jucu em samba e unirmos essas duas culturas numa grade Roda de Sambacongo”, Tunico da Vila.

“Madalena do Jucu” foi gravada em samba no disco “O Canto das Lavadeiras” em 1989, por Martinho da Vila, pai de Tunico, que gravou diversas manifestações folclóricas do Brasil. No repertório, canções de samba de partido-alto e congadas como “Na cadência do partido- alto”, “Balaio grande”, “Juremê, Juremá” “Blacktie”, “Minha Sogra”, “Sino da Igrejinha”, “Madalena do Jucu”, “ Cabelo Loiro” e “Iá, Iá você vai a Penha”.

Agenda 29\9- domingo:

Roda de Sambacongo com Tunico da Vila no Viradão Cultural de Vitória 

16:30 horas

Praça Ubaldo Ramalhete- Centro de Vitória

Entrada Livre

 

Comentários Facebook