Linhares é o 1º lugar no Estado e 3º do Brasil na produção de café

O município registrou um aumento de 128% na produção do grão, dando um salto de 18,7 mil toneladas em 2017 para 42,8 mil toneladas em 2018. A média de Linhares é de 48,2 sacas por hectare enquanto a estadual é de 35,3.

36

Linhares lidera o ranking de maior produtor de café do Espírito Santo e o terceiro maior do Brasil, conforme dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O município registrou um aumento de 128% na produção do grão, dando um salto de 18,7 mil toneladas em 2017 para 42,8 mil toneladas em 2018. A média de Linhares é de 48,2 sacas por hectare enquanto a estadual é de 35,3. O emprego de novas tecnologias, condições hídricas favoráveis e o melhoramento genético das lavouras contribuíram para esses resultados.

No país, as cidades mineiras de Patrocínio (82,8 mil toneladas) e Três Pontas (43,3 mil toneladas) lideram o ranking. O secretário Municipal de Agricultura, Franco Fiorot pontuou os fatores que levaram Linhares a conquistar essas posições de destaque. “O perfil empresarial e tecnológico dos nossos produtores, seja do pequeno, médio ou grande produtor, além dos nossos recursos hídricos (lagoas) foram fatores determinantes para alcançarmos esses resultados”, disse o secretário.

O prefeito de Linhares, Guerino Zanon, ressaltou que os números do IBGE mostram o quanto o produtor tem focado no aumento da produtividade, mesmo em meio a crise que o setor enfrenta, e que a prefeitura tem ofertado diversos serviços e ações, principalmente para o pequeno produtor rural, não ter ganhos somente na produtividade, mas também na qualidade do grão que é um diferencial no mercado.

“Desde 2017 temos investido em ações e serviços que visam o aumento da produtividade e qualidade do café produzido em Linhares. Por meio do Programa Linhares Coffee criamos o Concurso de Qualidade do Café Conilon – estamos na segunda edição e batemos um recorde de 133 amostras inscritas, – para incentivar práticas mais eficientes na produção de café de qualidade. Já atendemos centenas de produtores com palestras e treinamentos nas comunidades produtoras, além da construção de mais de 3 mil caixas secas e as barragens que estamos construindo, outras já entregues, para garantir nas propriedades rurais a conservação de água e solo para que os produtores tenham água reservada para enfrentar períodos de seca”, destacou, informando que o café é a principal cultura no município e representa hoje 50% do PIB agrícola de Linhares.

COM INFORMAÇÃO: Linhares Online

Comentários Facebook