Morando em quartinho no Chile, ex-garçom de Jô Soares passa por dificuldades

Alex agora trabalha como guia turístico em Santiago, mas não esquece os 30 anos que viveu no Brasil

65
Alex tem contado com a ajuda de amigos. (Foto: Reprodução/Record TV)

O chileno Luis Alexander Rubio Bernardes, o garçom Alex, que servia bebidas ao apresentador Jô Soares e convidados no Programa do Jô, da TV Globo, hoje vive em um quartinho em seu país natal e passa por dificuldades financeiras.

Ele, que atualmente trabalha como guia turístico no Chile, contou, em entrevista ao Domingo Show, da Record TV, exibida neste domingo (7), que não tem condições nem de comprar carne.

Alex teve câncer no rim direito e hoje, após superar a doença, conta com a ajuda de amigos. “Moro num quartinho, (…) mas não tenho vergonha de mostrar. Muitas pessoas estão me ajudando”.

O ex-garçom passou 26 anos trabalhando ao lado de Jô, desde a época do Jô Soares Onze e Meia, no SBT. Ele disse que tinha um bom salário, mas não o suficiente para construir um patrimônio. “Não comprei casa, não consegui nem comprar uma bicicleta. Mas sou muito grato ao Jô por tudo, por me ensinar o valor do trabalho e as responsabilidades”.

Durante a entrevista, Alex também negou as acusações da ex-mulher, que, há três meses, disse que ele a agrediu com um tapa. “Ela é que partia para cima de mim. Nunca a agredi, não é do meu feitio, não me lembro de dar um tapa nela. A nossa relação estava desgastada”.

Alex disse ainda que, assim que o Programa do Jô chegou ao fim, há dois anos, quis voltar para o Chile. “Estava com muita saudade da minha mãe. Fazia mais de 30 anos que não a via”.

DA REDAÇÃO DO JORNAL A ILHA | COM INFORMAÇÕES TRIBUNA NOLINE

Comentários Facebook