Financiamento de microcrédito é sucesso em Colatina

12

Micro e pequenas empresas (MPEs) e negócios informais de empreendedores de Colatina contam com linhas de crédito específicas para financiamentos de microcrédito operados pelo Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes).

Em 2018, para investimento e capital de giro, foram aprovados 151 contratos com recursos das linhas destinadas pelo banco capixaba ao segmento, totalizando R$ 4 milhões, que foram empregados pelas empresas da região que tiveram faturamento anual de até R$ 360 mil.

No mesmo período, outros 253 contratos foram aprovados pelo programa Nossocrédito no município, movimentando aproximadamente R$ 2 milhões. Com a possibilidade de financiamentos de até R$ 20 mil, o programa atende a empreendedores formais e informais já atuantes no mercado que tenham tido renda bruta menor que R$ 240 mil no último ano e querem incrementar seu negócio.

Nossocrédito

O programa atende àqueles que têm mais de seis meses de experiência na área que produzem ou residem no mesmo município há mais de dois anos. Para obter o benefício, os interessados também precisam apresentar avalista e ter o nome limpo no Serasa e no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC).

Condições Operacionais

 Pessoas física ou jurídica: de R$ 200 até R$ 7,5 mil para primeiro crédito. Até R$ 15 mil a partir do segundo crédito para capital de giro e até R$ 20 mil, para investimento fixo.

Crédito para capital de giro: Para valor de financiamento entre R$ 200 a R$ 15 mil: juros a partir de 1,10% ao mês.

Crédito destinado para investimento fixo: juros a partir de 1,10% ao mês

Prazos:

Para capital de giro o prazo total é de 24 meses

Para investimento fixo o prazo total é de 30 meses

Simulação

 Caso esteja interessado, no site ou no aplicativo para smartphones pode ser feita uma simulação. Basta responder algumas perguntas para saber que tipo de crédito é o ideal. O atendimento pode ser feito presencialmente na sede do banco, em Vitória. Também no site www.bandes.com.br, o interessado pode acessar os endereços dos parceiros consultores em todos os municípios capixabas.

JORNAL A ILHA COM INFROMAÇAO – Beatriz Moreira

Comentários Facebook